Pesquisar
Close this search box.

Como saber se tenho vício em apostas?

Para uma parcela mínima de jogadores, apostar pode levar a consequências financeiras negativas, assim como em outras áreas da sua vida devido ao vício em jogos ou apostas esportivas. Saber apostar de forma responsável é imprescindível para conseguir conciliar o entretenimento com as finanças. 

A suscetibilidade à compulsão, entretanto, pode ser originária de uma série de fatores que vão desde a predisposição genética até a exposição social e a questão psicológicas. Por isso, selecionamos uma lista das principais situações que indicam um possível problema com jogo por parte do jogador para que ele saiba reconhecer os sinais de alerta e possa procurar ajuda. 

Como saber se tenho vício em apostas?
Como saber se tenho vício em apostas? (Imagem: F12 Tips / F12.Bet)

O descontrole sobre o ato de apostar é um dos principais traços de quem tem vício em apostas. Se você acha que pode estar com problemas relacionados a apostas ou jogos, faça uma análise se você:

  • Perde tempo de trabalho, escola ou família devido a apostas;
  • Repetidamente falha nas tentativas de parar ou controlar as apostas;
  • Pede dinheiro emprestado para jogar ou pagar dívidas de apostas;
  • Aposta para escapar de preocupações ou problemas;
  • Negligencia o cuidado de si mesmo ou da família para apostar;
  • Mente sobre a quantidade de tempo ou dinheiro gasto em apostas;
  • Vende ou penhora bens pessoais para conseguir dinheiro para apostar;
  • Tem sentimentos de desesperança, depressão ou suicídio como resultado de apostas. 

 

Outros pensamentos, sentimentos e situações comuns em jogadores viciados, são: 

  • Alterações de humor (irritabilidade, agitação ou tédio) quando tenta interromper o ciclo de apostas;
  • Não consegue controlar as apostas e sempre falha quando tenta abandonar o hábito;
  • Pensa e planeja constantemente sobre novas apostas;
  • Não consegue assistir a jogos, por exemplo, sem o ato de apostar;
  • Acha que deve apostar mais para “recuperar o prejuízo”; 
  • Arrisca as finanças, emprego, progresso acadêmico ou relacionamento afetivo em favor das apostas. 

 

Se você ou alguém do seu círculo estiver passando por qualquer uma dessas circunstâncias, nós te encorajamos a procurar ajuda profissional para tratar o vício em apostas. O primeiro passo é buscar a ajuda de um psicólogo ou psiquiatra para que possam avaliar o quadro e recomendar um tratamento. 

Fique por dentro das novidades

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *